Cursos

voltar

Pós Graduação Lato Sensu Filosofia, Antropologia e Sociedade

Matrículas encerradas. Caso tenha interesse em se matricular neste curso, entre em contato conosco pelo e-mail ipebj@ipebj.com.br ou pelo telefone (16) 3624-1724.

Periodicidade

Mensal (Duração: 24 meses / Aulas: 01 encontro presencial por mês)

Horário das aulas

Sexta-feira, das 18:00 às 23:00

Sábado, das 08:00 às 18:00

Carga Horária

400 horas

Local das aulas

Sede IPEBJ. Av. Senador César Vergueiro, 505.
Ribeirão Preto - SP

Processo Seletivo

Análise Curricular. Envio de Carta de Intenção e Curriculum para ipebj@ipebj.com.br

Início das Aulas

04/04/2014

Matrícula

até 28/03/2014

Vagas Limitadas: O IPEBJ reserva-se o direito de não iniciar o curso, caso não seja atingido o número mínimo de matriculados. Nesse caso, o valor da primeira parcela será devolvido integralmente.

Tem interesse de fazer o curso futuramente ? Faça seu pré-cadastro de interesse.
Cadastro de Interesse

Descrição

A Antropologia é a ciência que estuda o homem em sociedade, as culturas humanas, os comportamentos e costumes sociais; enfim, a principal característica da Antropologia é o interesse pela diversidade de modos de viver da humanidade. A antropologia poderá estudar as culturas humanas tanto no passado como no presente e em qualquer lugar. O principal instrumento de trabalho da antropologia é a pesquisa de campo que possui um vasto leque de investigação como grupos étnicos e religiosos, migrações, formação de grupos rurais e urbanos e suas formas de expressão e comunicação por meio da arte, de narrativas, do parentesco, de performances, da cultura material, dos tipos de moradias e a relação com o meio ambiente.

Filosofia é o campo da ciência que se ocupa da investigação, análise e reflexão dos ideais de mundo e de existência que temos. As inquietações do homem a respeito da construção de sua realidade e do seu pensamento foram o ponto de partida para o surgimento da prática filosófica, articulada ainda na antiguidade.
 

O filósofo dedica-se à investigação e ao questionamento profundo e metodológico da essência pura da natureza, do conhecimento, do comportamento filosófico e da própria existência. São cinco grandes campos de conhecimento dos quais se ocupa a filosofia: Lógica, Metafísica, Epistemologia, Ética e Estética. A Filosofia nos ajuda a constituir uma visão ampla e crítica para nos ajudar a viver e entender o tempo e o mundo no qual vivemos hoje.
 
 

Objetivo

Criar um ambiente de análise e reflexão crítica sobre as diferentes interfaces entre filosofia e sociedade;

Propiciar uma formação pessoal reflexiva, crítica e consistente para a construção de sentidos à existência e ao exercício da cidadania;
 
Produzir e disseminar conhecimentos antropológicos;
 
Formar e capacitar profissionais que possam atuar em Instituições de Ensino Superior, em Órgãos Públicos e Privados e em Organizações não Governamentais;

Desenvolver a capacidade de relacionar o exercício da crítica filosófica com a promoção integral da cidadania e com o respeito à pessoa;
 
Formar profissionais capazes de desenvolver a capacidade de formular e propor soluções para problemas, nos diversos campos do conhecimento, com o viés da Filosofia;

Capacitar os profissionais para docência.
 
 

Conteúdo Programático

Duração: 24 meses
Aulas: 01 encontro presencial por mês (Sexta: 18h às 23h / Sábado: 8h às 18h)

 

Módulos:

Análise do Discurso – Pensamento Crítico e Argumentação
Ética
Filosofia
Filosofia: Mente, Linguagem, Estética e Literatura
Teoria Sociológica
Teoria Antropológica
Teoria da Complexidade
Filosofia Clínica
Bioética
Filosofia, Psicologia e Psicanálise
Sociologia Urbana
Territorialidades
Antropologia e Sustentabilidade
Metodologia do Trabalho Científico
Didática do Ensino Superior
 

Público Alvo

Todos os graduados interessados na área, como profissionais da área da saúde, professores, psicanalistas, assistentes sociais, advogados, psicólogos, filósofos, sociólogos entre outros.
 

Coordenadores

  • Tânia Mara Volpe Miele
    Tânia Mara Volpe Miele Especialização em Bioéitca pela Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil. Bacharel em Ciências Biológicas Modalidade Médica pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras Barão de Mauá (1980) com habilitação em Patologia Clínica e Análises Clínicas; Possui graduação em Direito pela Universidade de Ribeirão Preto, SP (1997) com habilitação em Direito Privado; Especialista em Direito Médico, odontológico e da Saúde; Especialista em Ciências Forenses; Pós graduanda em Criminologia e Pós graduanda em Criminal Profiling; Sócia fundadora e diretora do IPEBJ - Instituto Paulista de Estudos Bioéticos e Jurídicos, editor responsável pela revista científica eletrônica Brazilian Journal of Forensic Sciences, Medical Law and Bioethics; Coordenadora Geral dos projetos de extensão e pós-graduação do IPEBJ Educacional; Idealizadora e coordenadora do FSI Brasil - Forensic Science Investigation - Unidade Privada de Estudo, Pesquisa e Extensão Investigativa na área Forense; Coordenadora da Comissão de Perícias Forenses da OAB/SP - Subsecção de Ribeirão Preto; Coordenadora da Comissão de Bioética, Biodireito e Biotecnologia da OAB/SP Subsecção de Ribeirão Preto; Ex-coordenadora da Comissão de Direito Médico e da Saúde da OAB/SP - Subsecção de Ribeirão Preto; Membro do Comitê de Ética em Pesquisa do Centro de Saúde Escola da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo FMRP-USP; Coordenadora da Comissão Jurídica da SBIOMAC - Sociedade Biomédica de Acupuntura; Pesquisadora do Grupo de Estudos e Pesquisas em Enfermagem, Saúde Global, Direito e Desenvolvimento GEPESADES/USP. Membro da World Association for Medical Law; Membro da Sociedade Brasileira de Bioética; Membro do IBCCRIM - Instituto Brasileiro de Ciências Criminais.

  • Fábio Augusto Pacano
    Fábio Augusto Pacano Possui mestrado em Sociologia pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2000). Atualmente é professor da FATEC - Piracicaba, onde coordena os estágios; também é professor na Organização Educacional Barão de Mauá, em Ribeirão Preto, colaborando com o Conselho Editorial da Revista Diálogus; leciona ainda na CNEC - Capivari. Na graducação, atua junto aos cursos de Direito, História, Gestão em Biocombustíveis, Gestão Empresarial, Administração, Ciências Contábeis e Sistemas de Informação. Na Pós-Graduação, atua junto aos cursos de História, Serviço Social e Ciências Forenses. As orientações e produção acadêmica têm ênfase nos seguintes temas: modernidade, memória, urbanização, imigração e escravidão.

  • Cléa Regina de Oliveira Ribeiro
    Cléa Regina de Oliveira Ribeiro Possui graduação em Artes Plásticas pela Fundação Armando Álvares Penteado (São Paulo, 1976), graduação em Filosofia pela Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho (UNESP, 1984), mestrado em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC de São Paulo, 1997), doutorado em Saúde Pública pela Universidade de São Paulo (USP, 2002), pós-doutorado em Bioética pela Universidad Complutense de Madrid com Diego Gracia (2006/2007). Atualmente é docente da área de Ciências Humanas do Departamento de Enfermagem Psiquiátrica e Ciências Humanas da EERP/USP. Orienta alunos de graduação, especialização e pós-graduação. É revisor de periódicos nacionais e internacionais; pertence ao Editorial Board do periódico Nursing Philosophy. Tem experiência nas áreas de Ética e Bioética, focalizando temas como pessoa e consciência, autonomia, vulnerabilidade, intersubjetividade, tomada de decisão, ética em pesquisa, ensino de bioética, reflexão teórico-filosófica em saúde mental.

Docentes

  • Carla Milani Damião
    Carla Milani Damião

     

    <p style="\\\\\\\\&quot;text-align:" justify;\\\\\\\\"=""> Possui graduação em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1986), mestrado em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1995), doutorado em Filosofia pela Universidade Estadual de Campinas (2003), doutorado-sandwich na Universidade Livre de Berlim. Atualmente é professor adjunto e professora do Programa de Mestrado da Faculdade de Filosofia da Universidade Federal de Goiás . Tem experiência na área de Filosofia, com ênfase em Estética, atuando principalmente nos seguintes temas: walter benjamin, estética, filosofia e literatura.


  • Cléa Regina de Oliveira Ribeiro
    Cléa Regina de Oliveira Ribeiro Possui graduação em Artes Plásticas pela Fundação Armando Álvares Penteado (São Paulo, 1976), graduação em Filosofia pela Universidade Estadual Paulista Julio de Mesquita Filho (UNESP, 1984), mestrado em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC de São Paulo, 1997), doutorado em Saúde Pública pela Universidade de São Paulo (USP, 2002), pós-doutorado em Bioética pela Universidad Complutense de Madrid com Diego Gracia (2006/2007). Atualmente é docente da área de Ciências Humanas do Departamento de Enfermagem Psiquiátrica e Ciências Humanas da EERP/USP. Orienta alunos de graduação, especialização e pós-graduação. É revisor de periódicos nacionais e internacionais; pertence ao Editorial Board do periódico Nursing Philosophy. Tem experiência nas áreas de Ética e Bioética, focalizando temas como pessoa e consciência, autonomia, vulnerabilidade, intersubjetividade, tomada de decisão, ética em pesquisa, ensino de bioética, reflexão teórico-filosófica em saúde mental.

  • Humberto Perinelli Neto
    Humberto Perinelli Neto

     

    <p style="\&quot;text-align:" justify;\"=""> É bacharel e licenciado em História pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Por essa mesma instituição obteve o título de Mestre em História e Cultura Social e o de Doutor em História e Cultura Política. É graduando em Letras pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho. Professor Assistente Doutor junto ao Departamento de Educação do Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas (IBILCE/UNESP) de São José do Rio Preto-SP e professor titular do Centro Universitário Barão de Mauá, Ribeirão Preto, SP. Desenvolve estudos na área de Educação, História, Geografia e Antropologia; a partir deste campo do conhecimento, pesquisou sobre: modernidade, cidades e Primeira República, pecuária, complexo cafeeiro e celebrações rurais; atualmente, dedica-se, principalmente, às reflexões sobre ensino de História e de Geografia, micro-realidades e novas tecnologias de informação e comunicação. Coordena o subprojeto &quot;Práticas educativas do Ensino de História e de Geografia: possibilidades e perspectivas envolvendo curtas metragens&quot; (PIBID/CAPES/UNESP).


  • Luiz Rufino dos Santos Junior
    Luiz Rufino dos Santos Junior

    Graduado em Ciencias Sociais pela Universidade Estadual Paulista (2000) e Mestre em Filosofia Social pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2004), atuando principalmente nos seguintes temas: consultoria em ciencia politica e pesquisador do subjetivismo como barbárie na sociedade moderna.


  • Mario Sergio Cortella (a confirmar)
    Mario Sergio Cortella (a confirmar)

     

    <p style="\&quot;text-align:" justify;\"=""> Possui graduação em Filosofia pela Faculdade de Filosofia Nossa Senhora Medianeira (1975), Mestrado em Educação (Currículo) pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1989) sob a orientação do Prof. Dr. Moacir Gadotti e Doutorado em Educação (Currículo) pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1997) sob a orientação do Prof. Dr. Paulo Freire. Atualmente é professor-titular do Departamento de Fundamentos da Educação e da Pós-Graduação em Educação (Currículo) da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, na qual está desde 1977, tendo nela atuado por 32 anos no Departamento de Teologia e Ciências da Religão. Foi Secretário Municipal de Educação de São Paulo (1991/1992) e Membro-conselheiro do Conselho Técnico Científico Educação Básica da CAPES/MEC (2008/2010); tem experiência na área de Educação, com ênfase em Currículos Específicos para Níveis e Tipos de Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: educação libertadora, ética, multiculturalidade, antropologia filosófica, epistemologia e currículo. É autor, entre outros livros, de A Escola e o Conhecimento: fundamentos epistemológicos e políticos (Cortez); Nos Labirintos da Moral, com Yves de La Taille (Papirus); Não Espere Pelo Epitáfio: Provocações Filosóficas (Vozes); Não Nascemos Prontos! (Vozes); Sobre a Esperança: Diálogo, com Frei Betto (Papirus), O que é a Pergunta?, com Silmara Casadei (Cortez), Liderança em Foco, com Eugênio Mussak (Papirus), Filosofia e Ensino Médio: certos porquês, alguns senões, uma proposta (Vozes), O Que a Vida Me Ensinou: Viver em Paz para Morrer em Paz (Saraiva/Versar), Política para não ser idiota, com Renato Janine Ribeiro (Papirus), Vida e Carreira: um equilíbrio possível, com Pedro Mandelli (Papirus), Educação e Esperança: sete reflexões breves para recusar o biocídio (PoliSaber) e Qual é a tua Obra? Inquietações Propositivas sobre Gestão, Liderança e Ética (Vozes).


  • Marisa Gianecchini Gonçalves de Souza
    Marisa Gianecchini Gonçalves de Souza

     

    <p style="\\\\&quot;text-align:" justify;\\\\"=""> Filósofa e Lingüista. Doutora em Semiótica e Estudos Literários. Graduada e Pós-graduada em grego clássico e letras modernas. Pesquisadora da Pós-graduação da UNESP – Araraquara, filiada ao projeto CASA. Membro do Atelier Valência e Valor junto à USP e PUC de São Paulo, bem como à Faculdade de Ciências Políticas de Paris - França. Parecerista de revistas científicas com foco em Semiótica. Coordenadora da Evohé – Espaço Cultural, em Ribeirão Preto.


  • Milena Maria Costa Martinez
    Milena Maria Costa Martinez

    Doutora em Sociologia. Profª de Sociologia Latino-Americana na Universidade Federal do Paraná.


  • Paulo Eduardo Vasconcelos de Paula Lopes
    Paulo Eduardo Vasconcelos de Paula Lopes

    Possui graduação em Geografia pelo Centro Universitário Barão de Mauá (2000), mestrado em Ciencias e Praticas Educativas pela Universidade de Franca (2003) e doutorado em Educação Escolar pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - UNESP (2008). Atualmente é Coordenador do curso de Geografia do Centro Universitário Claretiano, onde é coordenador adjunto da Revista Educação. É também professor adjunto do Centro Universitário Barão de Mauá onde coordena a revista Dialogus nas áreas de Geografia e Educação. Tem experiência na área de Geografia, com ênfase em Geografia Política/Geopolítica, Geografia Humana, Geografia Econômica e Fundamentos e Métodos do Ensino de Geografia. Na área de Educação, com ênfase em Política, Legislação, Currículo e Organização Educacional além de áreas ligadas a pesquisa. Experiência também em modalidades de ensino a distância, atuando principalmente nos seguintes temas: geografia política/geopolítica, geografia humana, geografia econômica, políticas educacionais, legislação de ensino, estrutura e funcionamento do ensino fundamental e médio, metodologia e técnica da pesquisa científica, educação e geografia.


  • Rafael Cardoso de Mello
    Rafael Cardoso de Mello

     

    <p style="\&quot;text-align:" justify;\"=""> Mestre em História pela Universidade Estadual Paulista (UNESP-Franca), graduado em História e graduando em Geografia, realiza pesquisa nas áreas de: História das mulheres, do urbano e da modernidade; e em Educação, Ensino de História e Geografia. Docente do Centro Universitário Barão de Mauá, da UNIESP e do Liceu Albert Sabin, todos em Ribeirão Preto/SP . É membro do Grupo ELO (Estudos da Localidade USP/Ribeirão Preto), do GEPALLE (Grupo de Estudos e Pesquisas em Alfabetização, Leitura e Letramento - USP/Ribeirão Preto) e do CIER (Centro Interdisciplinar de Estudos Regionais - UNESP/São José do Rio Preto).


  • Roberto Donato da Silva Júnior
    Roberto Donato da Silva Júnior

     

    <p style="\&quot;text-align:" justify;\"=""> Possui Graduação (licenciatura e bacharelado) em Ciências Sociais e Mestrado em Sociologia pela Faculdade de Ciências e Letras Campus de Araraquara (FCLAr) da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP). É Doutorando no Programa de Pós-Graduação em Ambiente e Sociedade do Núcleo de Estudos e Pesquisas Ambientais (NEPAM) do Instituto de Filosofia e Ciências Humanas (IFCH) da Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP). Atuou como professor do ensino fundamental, médio e curso pré-vestibular de 1999 a 2009. É professor universitário nas disciplinas de sociologia, antropologia e filosofia desde 2006 e atualmente realiza Estágio de Docência na Faculdade de Ciências Aplicadas (FCA) da UNICAMP. Desenvolveu pesquisa sobre a relação entre organizações não-governamentais e populações locais junto às propostas de etnoconservação, com apoio da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). Atualmente desenvolve pesquisa científica sobre a intersecção epistemológica entre ecologia, sociologia e antropologia nas propostas de sustentabilidade, com apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP). Atua principalmente nos seguintes temas: antropologia, sociologia, ecologia, ambiente e sociedade, sustentabilidade, agroecologia e educação.


  • Ruda Guedes Moises Salerno Ricci
    Ruda Guedes Moises Salerno Ricci

     

    <p style="\&quot;text-align:" justify;\"=""> Possui graduação em Ciências Sociais pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (1984), mestrado em Ciência Política pela Universidade Estadual de Campinas (1992) e doutorado em Ciências Sociais pela Universidade Estadual de Campinas (2002).Atualmente é diretor geral do Instituto Cultiva. É professor do mestrado em Direito e Desenvolvimento Sustentável da Escola Superior Dom Helder Câmara, Avaliador de programas de Desenvolvimento Sustentável, colunista Político da Band News, foi colaborador da elaboração da Agenda 21 Brasil. Autor de Terra de Ninguém (Editora UNICAMP), dicionário da Gestão Democrática (Editora Autêntica), Lulismo (Fundação Astrojildo Pereira/Contraponto), co-autor de A Participação em São Paulo (Editora UNESP), entre outros


Palestrantes Convidados

Informações Adicionais

Certificação MEC

No período compreendido entre 1965 e atual, a partir do Parecer n° 977 que definiu e caracterizou os cursos de pós-graduação distinguindo-se em dois tipos stricto sensu e os lato sensu, a legislação sobre os cursos de pós-graduação evoluiu. A norma vigente para os cursos na modalidade lato sensu em nível de Especialização oferecidos pelo IPEBJ estão amparados pela Resolução CNE/CES n° 1 de 8 de junho de 2007.


O processo de seletivo compreenderá:
I - avaliação do currículo (modelo Lattes atualizado até data da inscrição ou “curriculum vitae”); 
II- análise de carta de intenções apresentadas pelo candidato;
III – análise de documentos pessoais e,
IV - entrevista pessoal.


Todas as fases do processo terão caráter eliminatório. Considerando que cada fase do processo simplificado de seleção tem caráter eliminatório e que os comunicados serão feitos através de correspondência eletrônica (e-mail) ou por contato telefônico é importante que essas informações (endereço e número de telefone) sejam mantidas atualizadas.

O currículo e a carta de intenções poderão ser encaminhados através de correspondência eletrônica e os documentos pessoais deverão ser encaminhados pelo correio. 

Os documentos pessoais ou profissionais compreendem: 
(duas cópias de cada documento listado abaixo)

I –Cópia reprográfica autenticada do Diploma de Graduação, devidamente registrado, obtido em curso superior reconhecido pelo Ministério da Educação;
II – 3 (três) fotos 3x4 recentes e coloridas;
III- Cópia reprográfica simples da certidão de nascimento ou de casamento.
IV- Cópia reprográfica simples do cartão de inscrição na Receita Federal (CIC/CPF);
V- Cópia reprográfica simples da cédula de identidade (RG) ou do Registro Nacional de Estrangeiros e
VI – Histórico escolar (graduação).

As entrevistas serão agendadas pela coordenação do curso e a data será comunicada com antecedência mínima de 48 horas através de correspondência eletrônica ou por telefone. Os meios telemáticos de comunicação (skype) poderão ser utilizados para entrevistas se os interessados residirem a uma distância superior a 50 Km de Ribeirão Preto.
Após a aprovação no processo seletivo, a Coordenação do curso encaminhará ao interessado o contrato de prestação de serviços educacionais, em duas vias, que deverá ser assinado e devolvido pelo interessado em data anterior aquela fixada para o inicio das aulas. 
No primeiro dia de aula, após a atualização de seus dados cadastrais, o aluno receberá sua via do contrato de prestação serviços.

Investimento

25 X 445,50 *


* Valor já calculado com o desconto de 10% de pontualidade para pagamentos efetuados até o dia 07 de cada mês (desconto aplicado a partir da segunda parcela)

Descontos Especiais**:
Desconto por indicação: 5% a cada indicação que se matricular em qualquer curso de pós-graduação lato sensu.
Desconto para ex-aluno de pós-graduação do IPEBJ: 15%.

Descontos através dos convênios - clique aqui


Algumas informações precisam ser revistas, corrija os seguintes erros:

Endereço

Av. Senador César Vergueiro, 505, sl. 16
Ribeirão Preto - São Paulo - Brasil
CEP 14020.500
+55 16 3624-1724
Copyright 2014 © Todos os direitos reservados
desenvolvido por: GoraKreativ.com