Estudo Transversal das Necropsias de Intoxicação Exógena do Instituto Médico-Legal de Belo Horizonte no Período 2006-2012

Authors

  • Polyanna Helena Coelho Bordoni
  • Anna Laura Marques Nascentes
  • Laura Junqueira Caixeta
  • Laura Silva Reis
  • Luis Felipe Reis Luiz
  • Luiza Pires Bretas Gomes
  • Leonardo Santos Bordoni

DOI:

https://doi.org/10.17063/bjfs6(3)y2017359

Keywords:

Death, Morte, Autopsy, Autopsia, Poisoning, Envenenamento, Forensic Toxicology, Toxicologia Forense, Legal Medicine, Medicina Legal, Exogenous Intoxication, Intoxicação Exógena

Abstract

A intoxicação exógena pode ser definida como as manifestações clínicas resultantes da interação de uma substância química com um organismo vivo. Por ser uma importante causa de morbidade e mortalidade é considerada um problema de saúde pública. A fim de analisar a prevalência da intoxicação exógena nas necropsias do Instituto Médico-Legal de Belo Horizonte, foi realizado um estudo transversal dos laudos do período de 2006 a 2012. Foram estudados 447 laudos cuja causa da morte foi intoxicação exógena. A maioria eram homens, com a maior concentração de casos entre 40 e 49 anos. Predominaram os morenos/negros e solteiros. A maioria era ativa do ponto de vista ocupacional e em ocupação que não exigia curso superior para seu exercício. A pesquisa de teor alcoólico foi negativa na maioria dos casos. A pesquisa toxicológica foi positiva em 89,4% das necropsias, predominando os praguicidas, em especial os carbamatos. A circunstância de morte mais prevalente foi o suicídio e a maioria dos necropsiados não foi submetida a procedimentos médicos previamente ao óbito. O estudo possibilitou traçar o perfil dos óbitos relacionados à intoxicação exógena em uma área regionalmente localizada, o que poderá ser útil na elaboração de estratégias de prevenção mais específicas e eficazes.

Published

2017-05-19

How to Cite

Polyanna Helena Coelho Bordoni, Anna Laura Marques Nascentes, Laura Junqueira Caixeta, Laura Silva Reis, Luis Felipe Reis Luiz, Luiza Pires Bretas Gomes, & Leonardo Santos Bordoni. (2017). Estudo Transversal das Necropsias de Intoxicação Exógena do Instituto Médico-Legal de Belo Horizonte no Período 2006-2012. Brazilian Journal of Forensic Sciences, Medical Law and Bioethics, 6(3), 359–377. https://doi.org/10.17063/bjfs6(3)y2017359

Issue

Section

Original Article