Estudo Transversal dos Casos de Pancreatite Aguda Necropsiados no Instituto Médico Legal de Belo Horizonte, 2006–201

Authors

  • Leonardo Santos Bordoni
  • Antônio Gilson Prates Júnior
  • Joyce Carvalho Martins
  • Polyanna Helena Coelho Bordoni

DOI:

https://doi.org/10.17063/bjfs6(2)y2017160

Keywords:

Pancreatitis, Pancreatite, Death, Morte súbita, Sudden, Autopsia, Autopsy, Medicina legal, Forensic Medicine

Abstract

A pancreatite aguda é caracterizada pela inflamação do pâncreas, em que as lesões variam de edema intersticial a necrose do parênquima com hemorragia grave. A mortalidade é alta quando associada à falência multissistêmica. A pancreatite aguda pode ser causa de morte súbita e seu diagnóstico, em especial a forma necrotizante, é feito somente após a necropsia em até metade dos casos. Objetivos: Avaliar, retrospectivamente, as características epidemiológicas e patológicas das mortes por pancreatite aguda examinadas no Instituto Médico-Legal de Belo Horizonte (IML-BH). Materiais e métodos: Análise retrospectiva dos laudos de necropsia do IML-BH cuja causa da morte foi pancreatite aguda realizados no período de 2006 a 2012. Resultados: Houve predominância de homens e a maioria dos casos foi de pancreatite aguda hemorrágica, com o etilismo sendo a etiologia predominante. A média etária foi de 43 anos, com metade dos casos entre 40 e 60 anos. A maioria dos necropsiados foi encontrada morta no próprio domicílio. Houve relação estatística entre a faixa etária de 40 e 60 anos e a ocorrência de hematoma retroperitoneal. Complicações sistêmicas incluíram edema pulmonar e cerebral, derrame pleural e pneumonia. Conclusão: Apesar do principal papel da necropsia forense ser a investigação das causas externas de morte, este estudo confirma que há situações nas quais a Medicina Legal apresenta papel importante, em especial nas localidades que não dispõem de serviços de verificação de óbito, na avaliação de potencias causas de morte súbita, como a pancreatite aguda hemorrágica.

Published

2017-01-30

How to Cite

Leonardo Santos Bordoni, Antônio Gilson Prates Júnior, Joyce Carvalho Martins, & Polyanna Helena Coelho Bordoni. (2017). Estudo Transversal dos Casos de Pancreatite Aguda Necropsiados no Instituto Médico Legal de Belo Horizonte, 2006–201. Brazilian Journal of Forensic Sciences, Medical Law and Bioethics, 6(2), 160. https://doi.org/10.17063/bjfs6(2)y2017160

Issue

Section

Original Article