Estimativa da Idade Baseada na Mineralização Dentária Utilizando o Método de Nicodemo, Moraes e Médici (1974) em População do Sul da Bahia

Authors

  • Victoria Almeida Oliveira Furtunato
  • Giselle Boaventura Barros Souto
  • Tatiana Dantas Piana

DOI:

https://doi.org/10.17063/bjfs8(1)y201821

Keywords:

Dentistry, Odontologia, Forensic dentistry, Odontologia legal, Forensic anthropology, Antropologia forense, Panoramic radiograph, Radiografia panorâmica

Abstract

Dentre as áreas de competência de atuação do perito odonto-legal está a identificação humana. A estimativa de idade é uma das pesquisas mais utilizadas para identificação dos indivíduos, podendo ser realizada tanto em vivos, quanto em mortos. Os elementos dentários são considerados excelentes meios a fim de se estimar idade, uma vez que possuem maior resistência a alterações químicas, físicas, além de enfatizar a peculiaridade de cada indivíduo ao apresentar características morfológicas exclusivas. O objetivo desse trabalho é verificar a aplicabilidade da metodologia de estimativa da idade proposta por Nicodemo, Moraes e Médici (1974) com base na mineralização dos dentes, na população do sul da Bahia. Foram analisadas 40 radiografias panorâmicas de acordo com o método proposto, sendo 20 do sexo masculino e 20 do sexo feminino, de idades variando de 72 e 119 meses, sendo posteriormente realizada uma análise comparativa referente aos parâmetros de sexo e faixa etária e à análise comparativa da diferença relativa entre as estimativas produzidas em diferentes etapas do estudo. As amostras obtiveram um alto índice de correlação, com acerto em 80% da amostra masculina e 70% da amostra feminina, sendo um método de efetividade comprovada na população estudada, não havendo diferenças significativas entre as análises realizadas em períodos distintos pelo examinador. Observa-se, portanto, ser uma metodologia acessível, uma vez que pode ser aplicada por cirurgiões-dentistas sem experiência prévia do método, de baixo custo, sugerindo, porém, a inclusão de outras características populacionais e uma maior amplificação etária para verificação dos limites de relevância do estudo.

Published

2018-11-23

How to Cite

Victoria Almeida Oliveira Furtunato, Giselle Boaventura Barros Souto, & Tatiana Dantas Piana. (2018). Estimativa da Idade Baseada na Mineralização Dentária Utilizando o Método de Nicodemo, Moraes e Médici (1974) em População do Sul da Bahia. Brazilian Journal of Forensic Sciences, Medical Law and Bioethics, 8(1), 21–35. https://doi.org/10.17063/bjfs8(1)y201821

Issue

Section

Original Article